28 de julho de 2008

Orientações Práticas ao Pregador

1) Uso Adequado da Voz: “Alguns destroem a impressão solene que possam haver causado no povo por elevarem a voz demasiado alto, proclamando a verdade com brados e gritos... Esse gritar, porém, que faz? Isto não dá ao povo nenhuma idéia mais exaltada da verdade , nem impressiona mais profundamente. Causa apenas uma sensação de desagrado nos ouvintes e fatiga os órgãos vocais do orador.”
2) Duração do Sermão - 25 a 30 minutos.
3) Não permita participação de “intrusos”.
4) Não peça desculpas.
5) Nunca pregue sobre algo não vivido por você.
6) Evite passar a idéia de herói.
7) Não empregue um só tipo de sermão.
8) Não use o púlpito para mandar recados pessoais.
9) Esteja atento a tudo quanto se possa dali produzir um sermão.
10) Use um vocabulário rico, mas não difícil.
11) Não imite, seja natural.
12) Não exponha um assunto que você não domine bem.
13) Não negligencie preparo técnico e espiritual.
14) E lembre-se, os melhores sermões são os que você próprio
preparou.

Paz do Senhor e boa Semana!
Postar um comentário