26 de maio de 2011

Dilma Rousseff manda suspender kit anti-homofobia

Dilma Rousseff manda suspender kit anti-homofobia, diz ministro
SegundoGilberto Carvalho, presidente achou vídeo 'inapropriado'.

NathaliaPassarinho Do G1, em Brasília

Após protestos das bancadas religiosas no Congresso, a presidente DilmaRousseff determinou nesta quarta-feira (25) a suspensão do "kit anti-homofobia", que estava sendoelaborado pelo Ministério da Educação para distribuição nas escolas, informou oministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho.

"O governo entendeu que seria prudente não editar esse material queestá sendo preparado no MEC. A presidente decidiu, portanto, a suspensão dessematerial, assim como de um vídeo que foi produzido por uma ONG - não foiproduzido pelo MEC - a partir de uma emenda parlamentar enviada ao MEC",disse o ministro, após reunião com as bancadas evangélica, católica e dafamília.
Segundo ele, a presidente decidiu ainda que todo material que versarsobre "costumes" terá de passar pelo crivo da coordenação-geral daPresidência e por um amplo debate com a sociedade civil. "O governo secomprometeu daqui para frente que todo material que versará sobre costumes seráfeito a partir de consultas mais amplas à sociedade", afirmou.

Segundo o ministro, a determinação do governo não é um "recuo"na política de educacional contrária à homofobia. "Não se trata de recuo. Se trata de um processo de consulta que ogoverno passará a fazer, como faz em outros temas também, porque isso é partevigente da democracia", disse.

De acordo com Carvalho, Dilma vai se reunir nesta semana com osministros da Educação, Fernando Haddad, e da Saúde, Alexandre Padilha, paratratar do material didático.

"A presidenta vai fazer um diálogo com os ministros para que agente tome todos os devidos cuidados. Em qualquer área do governo estamosdemandando que qualquer material editado passe por um crivo de debate e dediscussão e da coordenação da Presidência".

Postar um comentário