5 de janeiro de 2012

Virou Moda - Até no BBB 12 a mídia anuncia evangélicos



Quando Boninho, diretor-geral do reality show Big Brother Brasil, anunciou que o perfil dos participantes da 12ª edição seria mais “conservador” e logo divulgou a lista com, supostamente, quatro homossexuais não me surpreendeu nem um pouquinho, já que essa é a postura da Rede Globo – fazer apologia ao homossexualismo.

Eu entendo como “conservador” aquilo que muitos críticos entendem por retrógrado, atrasado e quadrado, mas que é definitivamente parte dos bons costumes que o apóstolo Paulo advertiu que seriam corrompidos pelas más conversações (1 Coríntios 15.33). E no caso do reality show apresento a grande surpresa que poderá corromper os bons costumes: duas participantes evangélicas. A baiana Jakeline Leal e a mineira Kelly Medeiros.

Kelly, que já dançou no Aviões do Forró se increveu a pedido do irmão mais novo. “Ela já havia tentado três vezes e tinha desistido, aí o irmão mais novo dela, que mora em Minas Gerais, pediu para ela se increver novamente. Ela atendeu o pedido e acabou chamada para o programa”, contou Milan Andrade, amiga da participante. “Ela é bem ligada a Deus. É evangélica e frequenta os cultos na Igreja”, finalizou.

Comentário - Púpito Cristão

Para muitos essa é uma oportunidade de pregar o evangelho (pregar o evangelho?). Mas entendo que muitas pessoas já ouviram o evangelho e entendem que ele é a verdade de Deus para a salvação (João 14.6), mas resistem em aceitar a Cristo como Salvador (João 3.16), em virtude de ter de abrir mão de seus próprios interesses (seguir costumes), prazeres, amigos, que são contrários a uma decisão tão séria, que implica mudar completamente a maneira de ser, de viver, de pensar e de agir. E Jesus foi incisivo com relação a renúncia como fator indispensável para que alguém possa ser verdadeiramente discípulo (Lucas 9.23).

O plano da Rede Globo é muito claro: agregar todas as religiões, crenças, opções, para ganhar mais audiência. Mas Jesus nos advertiu de como deveria ser o nosso testemunho como cristão (Mateus 5.13) e nos advertiu de que o verdadeiro testemunho cristão resplandece diante dos homens (Mateus 5.16). O crente em Jesus não tem luz própria, não tem estrelato (2 Pedro 1.19), pois na verdade somos iluminados por Cristo, a “resplandecente estrela da manhã” (Apocalípse 22.16).

***
Fonte: Púlpito Cristão, com informacões do blog Shemá e da coluna EGO.
Postar um comentário